De volta ao Firefox

Depois de ter anunciado a minha transição para o Google Chrome eis que me farto e lá volto para o meu belo e clássico Firefox.

Atenção que não é pelo Chrome ser mau mas sim porque prefiro o Firefox em bastantes aspectos, apesar de preferir o Chrome noutros. Nenhum deles é perfeito. O ideal seria uma fusão entre os dois.

A maior maturidade, extensibilidade, personalização e familiaridade do Firefox fez-me voltar. Sim… o Chrome é mais rápido, tem o sistema de multi-processos que o torna mais estável no geral (no entanto não o é em particular em cada tab) e mais segura, suporta mais standards recentes mas que para já não interessam muito pois não estão em uso pela generalidade dos websites. Suporta ainda H.264 na tag video, para além de Ogg Theora, mas que basicamente apenas o YouTube tira partido disso e o Flash 10.1 porta-se bastante bem no Firefox pelo que não é grave 😛

Por isso esto ude volta raposinha… e desculpa pela traição 😉

Leave a Reply