oDesk

No decorrer deste semestre que está a terminar tive contacto com uma ferramenta/plataforma de nome oDesk.

Esta ferramenta serve para organizar equipas que colaboram à distância de forma a controlar o tempo despendido por cada membro da equipa sendo pagos conforme esse tempo. No meu caso usámos para fins académicos de forma a que não era necessário efectuar pagamentos (existe a hipótese de adicionar colegas de empresas físicas em que o pagamento não é necessário).

Todo o sistema se baseia no facto de haverem buyers (empresas) e providers (empregados). Os buyers contratam os providers para diversos projectos e estes são recompensados conforme o tempo despendido. Existe um controlo rígido do tempo de trabalho de cada um e os membros da equipa podem até ver o que os outros andam a fazer pois a aplicação client que conta o tempo tira também screenshots à área de trabalho de forma periódica mas algo aleatória (para prevenir fraude). Conta também o número de cliques e teclas carregadas para saber o nível de actividade.

Existe claro a possibilidade de ser pouco ético este controlo do trabalho (eu próprio não acho muita piada) mas não deixa de ser uma plataforma brutal para trabalho descentralizado. Eu posso estar aqui em Portugal a participar num projecto que se passa na Austrália em que os meus colegas de trabalho estão espalhados pelos “4 cantos” do mundo. É de facto impressionante… Claro que para complementar este “hub” de encontro aconselho a utilização de outras ferramentas colaborativas em paralelo. Algumas ferramentas que recomendo são SVN (ou outro sistema de controlo de versões como o GIT, CVS, etc…), Dropbox (já aqui falado) e o Microsoft Office Groove da Microsoft (que na versão 2010 se passará a chamar Microsoft Office SharePoint Workspace).

Para finalizar deixo-vos alguns links e um vídeo:

Artigo da Wikipedia (English) sobre o oDesk
Site Oficial do oDesk

Vídeo introdutório do oDesk:

Leave a Reply